02/08/2016 por Norteando Você

Cientistas alemães descobrem novo antibiótico no nariz

O trabalho dos pesquisadores ainda se encontra em fase inicial e levará alguns anos para a produção de medicamentos

cientistas-nariz

A cavidade nasal é responsável pela entrada de muitas bactérias (Foto: Reprodução)

A ciência continua avançando nas descobertas para melhorar a qualidade de vida da humanidade. Recentemente, cientistas alemães identificaram uma bactéria do nariz capaz de produzir antibiótico potencialmente eficaz no combate a diversos patógenos.

A descoberta científica, publicada na revista “Nature”, representa um importante avanço na fabricação de uma nova classe de antibióticos para combater bactérias resistentes aos medicamentos já utilizados pela medicina.

O nariz é a porta de entrada para dezenas de espécies bacterianas. Boa parte dos antibióticos administrados nos pacientes é gerado a partir de bactérias ambientais. A descoberta dará um novo rumo aos tratamentos.

Bactéria na narina

A nova bactéria se chama lugdunin, produzida a partir da Staphylococcus lugdunensis residentes na narina (S. lugdunensis). Em experiências com ratos, a pesquisa constatou que a descoberta é capaz de combater uma infecção da pele causada pela bactéria Staphylococcus aureus (S. aureus), responsável por graves infecções.

Na pesquisa, os cientistas da Universidade de Tuebingen isolaram por meio de cotonetes amostras retiradas do nariz de 187 pacientes e observaram que em aqueles que tinham bactérias S. lugdunensis em seus narizes, apenas 5,9% também abrigavam as infecciosas S. aureus.

Fase inicial

O trabalho dos pesquisadores ainda se encontra em fase inicial. Serão precisos ainda muitos anos de trabalho antes do desenvolvimento de um novo medicamento e que deverá contar com a parceria da indústria farmacêutica.

Enquanto a medicina continua o seu trabalho de desenvolver medicamentos capazes de combater enfermidades no nariz, prevalece a recomendação de seguir alguns hábitos de higiene pessoal.

Uma higienização correta de cada parte do corpo ajuda principalmente a combater inflamações e infecções. A limpeza do nariz como água e soro nasal, por exemplo, deve ocorrer sempre que a pessoa sentir a formação de secreções na região.

Procedendo dessa forma, minimiza a possibilidade de infecções nas vias aéreas, tais como rinite, sinusite, resfriados e gripes.

Via G1

Notícias relacionadas

Deixe aqui seu comentário