26/07/2016 por Leonardo Pedreira

Laboratório de análise de solo sobre rodas é novidade na Embrapa/RJ

Fertmóvel foi criado para facilitar o acesso dos produtores rurais a esse tipo de serviço

A expectativa é que os trabalhos comecem a ser realizados a partir do próximo mês de agosto. (Foto: Divulgação)

A expectativa é que os trabalhos comecem a ser realizados a partir do próximo mês de agosto (Foto: Divulgação)

O novo equipamento ganhou até nome, Fertmóvel. Trata-se de um laboratório completo mesmo, destinado à análises de fertilidade do solo e que foi  desenvolvido pela Embrapa Solos do Rio de Janeiro.

O laboratório vai operar dentro de um furgão de 14 metros cúbicos, onde é possível emitir laudos técnicos de correção de solos, como recomendações de adubação e calagem.

A expectativa é que os trabalhos comecem a ser realizados a partir do próximo mês de agosto, no município de Nova Friburgo, região serrana do Rio, considerara uma das principais produtoras de hortaliças do Estado.

Facilitar o acesso

De acordo com os pesquisadores da Embrapa, a ideia é facilitar o acesso dos produtores rurais a esse tipo de serviço, suprindo a demanda que atualmente tem o estado do Rio de Janeiro, que conta apenas com dois laboratórios de solo. Por conta dessa situação, muitas vezes os agricultores são obrigados a ter que recorrer a laboratórios bem mais distantes como em Minas Gerais e Espírito Santo.

O Fertmóvel vai ficar sob a responsabilidade do Laboratório de Análise de Solo, Água e Planta. (Foto: Divulgação)

Fertmóvel ficará sob a responsabilidade do Laboratório de Análise de Solo, Água e Planta. (Foto: Divulgação)

Outro objetivo para o futuro, ainda segundo a Embrapa, é fazer com que esse projeto chegue a outros estados.  Tocantins e Maranhão, por exemplo, já demonstraram interesse pelo Laboratório Móvel. A razão é bem simples: a ideia é boa e tem também o fato de que a análise de fertilidade dos solos é fundamental para todos os tipos de produtores, pois serve de pré-­requisito para aquisição de financiamento bancário.

Sem desperdício

Esse tipo de análise respaldada por um laboratório, traz, inclusive, recomendações que melhoram a produtividade, evitam desperdício e deixam a produção mais barata. O Fertmóvel vai ficar sob a responsabilidade do Laboratório de Análise de Solo, Água e Planta, da unidade do Rio e Janeiro.

Em um primeiro momento, os técnicos da Embrapa irão observar, na prática, se haverá algum problema em transportar o laboratório de um lado para outro, embora ele tenha sido planejado para que todo o material permaneça fixo e seguro durante as viagens.

Outro aspecto a ser avaliado é se a validação dos resultados das análises não será comprometida diante das condições do laboratório móvel que vem equipado com instrumentos tipo fotômetro de chama, espectrofotômetro, balança analítica, entre outros. Após diversos testes, o Fertmóvel deverá passar por ajustes, caso necessário, para então ser credenciado ao Programa de Análise de Qualidade de Laboratórios de Fertilidade.

Fonte: Embrapa


Leonardo Pedreira
Radialista por profissão e jornalista por paixão. Iniciou sua carreira na década de 80, orientado pelo pai, Almir Pedreira, quando realizou seu primeiro teste na Rádio Universitária FM, da Universidade Federal do Ceará. Do rádio passou para a televisão, também na década de 80, dando seus primeiros passos como apresentador de TeleAulas, da então TV Educativa, do Governo do Estado do Ceará. Já como repórter, ingressou no Grupo Jangadeiro de Comunicação, em 1991, onde está até hoje. Atualmente, é Radialista da Tribuna Band News FM – 101,7. Ainda trabalhou como assessor de imprensa na Superintendência Estadual do Meio Ambiente – Semace, por 10 anos.

Deixe aqui seu comentário